chuveiro

Antes de escolher o chuveiro e tipo de aquecimento, você precisa entender o que você prefere: economia, temperatura da água ou pressão do jato.

Você prioriza um chuveiro econômico, que aqueça mais a água ou que saia um jato com mais pressão de água? Existem modelos de chuveiros e aquecedores para todas as necessidades e gostos.

Principais tipos de chuveiros:

CHUVEIRO ELÉTRICO

qual o melhor chuveiro para sua casa

O chuveiro elétrico, por ser mais fácil de instalar, é o chuveiro mais popular nas casas brasileiras.

Em relação à temperatura da água, alguns modelos não aquecem muito, para ter água bem quente, em alguns casos, é preciso reduzir o fluxo de água. Podemos listar duas desvantagens: ficar sem banho quente se a energia acabar, e ter um aumento na conta de luz, pois ele pode aumentar até 25% do seu consumo de energia durante o inverno, dependendo dos hábitos do consumidor. A vantagem desse tipo de chuveiro é que é de fácil instalação, o valor de aquisição é menor e a manutenção pode ser realizada com menos complexidade.

Existem dois tipos de chuveiro elétrico:

  • Multitemperatura

É o mais comum. Ele precisa estar desligado para que a temperatura seja regulada e, em geral, apresenta 3 temperaturas: água quente, morna ou fria.

  • Eletrônico

Regula gradualmente a temperatura da água sem precisar desligar o chuveiro. As opções de temperatura são mais variadas.

 

DUCHA

qual o melhor chuveiro para sua casa

Nas duchas a água cai com mais intensidade de pressão. E quanto mais distante da caixa d’água a ducha estiver, mais potência terá a pressão da água. O aquecimento da água é feito de maneira externa e é mais comum que usem aquecimento a gás, elétrico ou solar. A regulagem da temperatura da água se dá por dois registros: uma com água quente e outra com água fria.

Antes de optar pela ducha é necessário verificar se a casa ou prédio onde você mora é compatível com esse tipo de aquecimento.

 

CHUVEIRO HÍBRIDO

Qual o melhor chuveiro para sua casa

Com duas opções de aquecimento da água: solar e elétrico. É semelhante a um chuveiro elétrico tradicional, mas funciona sem eletricidade quando o modo solar está ativado. Em dias nublados e de pouco sol, o modo elétrico é indispensável para que sua casa não fique sem água quente. A vantagem é a economia de energia em épocas de sol.

 

Principais Tipos de aquecedores:

Já vimos quais são os tipos de chuveiros existentes hoje no mercado. E, com exceção do chuveiro elétrico, alguns modelos de chuveiro permitem o uso de aquecedores para a água. Vamos ver alguns tipos de aquecedores:

 

A GÁS

A conta de luz anda muito alta? Se a resposta for “sim” e seu objetivo é economizar energia, então o chuveiro com aquecimento a gás pode sair mais em conta, pois o metro cúbico de gás é mais barato que kWh da conta de luz. Além disso, sua maior vantagem é a temperatura da água, pode ser ajustada para todos os gostos, pois esse sistema precisa de dois registros (fria e quente) e aquece bastante. Porém o chuveiro a gás tem duas desvantagens: A água demora mais para aquecer, o que aumenta o consumo de água e gás até que saia água quente para o uso, o que não é ecologicamente correto, e a instalação e compra desse aquecedor necessita de um investimento maior inicial.

 

AQUECEDOR DE PASSAGEM

qual o melhor chuveiro

É o mais comum hoje em dia nos apartamentos novos. Utiliza aquecimento a gás e não exige reservatório por acumulação porque a água é consumida de imediato. O acionamento do aparelho acontece quando abrimos o chuveiro. Por utilizar gás, o aquecedor de passagem tem vantagem sobre os solares ou elétricos. Ele continua fornecendo água quente mesmo em dias nublados ou quando acaba a energia elétrica.

 

AQUECEDOR POR ACUMULAÇÃO

melhor chuveiro

Com esse sistema, a água fica armazenada em um reservatório e esquenta com aquecedor a gás, solar ou por boiler elétrico. O aquecimento da água é controlado por um termostato, que mantém a temperatura dentro dos limites estabelecidos.

 

O CIRRA (Centro Internacional de Referência em Reuso de Água) fez uma pesquisa que diz, claramente, qual economiza mais. A pesquisa teve duração de 3 meses em que cada voluntário tomava um banho de 8 minutos, com um gasto médio de 32 litros de água. O resultado:

– No chuveiro elétrico foi gasto R$0,22 de energia elétrica por banho, e R$0,13 de consumo de água.

– No chuveiro a gás foi gasto R$0,58 de gás por banho e R$0,28 de água.

Mas, para decidir qual dos dois vale mais a pena para você, é preciso pensar seus hábitos de consumo, quantas pessoas moram na sua casa e as taxas de impostos da sua região. Em todos os casos, vale lembrar a extrema importância na economia de água na hora do banho.

 

Sempre que precisar trocar um chuveiro queimado ou trocar seu chuveiro por um modelo novo, conte com a ajuda de um profissional para que a instalação seja feita corretamente e de forma segura. Cada tipo de chuveiro precisa de um tipo de instalação diferente. Tendo um profissional para executar essa tarefa, você tem segurança e garantia de que o serviço será bem feito. Se precisar de ajuda, conte com a Consertador!